top of page

Lendas Sinistras com roteiros prontos!




Recebemos hoje da dramaturga Agatha Duarte os roteiros dos dois contos que fazem parte do projeto Lendas Sinistras de Alhures do Sul.


A proposta é realizar uma experimentação entre a antiga radionovela e o podcast contemporâneo. Os roteiros apresentados pela dramaturga trazem elementos dramatúrgicos no enredo apresentado, com diálogos entre personagens além de narração cênica para os episódios.


Inicia-se agora o trabalho de pesquisa, criação de personagens e de vozes, pesquisa e criação de sonoplastia e trilha sonora.


Para a preparação dos atores a direção prevê trabalho específico de criação de personagem com ênfase na voz, com pesquisa de timbres, tonalidades, e formas de fala para compor cada um, tornando possível a transmissão de sentimentos e sensações da trama.


Para a direção dos episódios a proposta é de utilização frequente de “paisagens sonoras”, por meio de efeitos e trilhas sonoras a serem criadas para compor a obra, criando uma ambientação repleta de

elementos na intenção de que o ouvinte forme uma imagem visual a partir da imaginação. 



Sinopse dos episódios:

A menina da fornalha

O conto tem inspiração em “causos” contados na Fundação Cultural de Rio do Sul, onde algumas pessoas contam que habita ali o espírito de uma menina que teria sido carbonizada em um forno de torra quando ali era uma fábrica de café. O texto criado traz como protagonista a menina Anastácia, uma criança comum, um pouco travessa, com sonhos e vontades, e que em determinado dia desaparece ao acompanhar a mãe no trabalho, uma fábrica de café de Alhures do Sul. 


A casa amaldiçoada

O conto tem inspiração em rumores sobre uma casa que existia no bairro Eugênio Schneider, na cidade de Rio do Sul, que contam ficara desabitada por muitos anos. Dizem que se podia ouvir gemidos e rangidos vindos de dentro daquela casa, que causava arrepios só de passar na frente. Os mais antigos contam que ali morava um homem de meia idade, solitário e anti-social, e depois dele a casa nunca mais teve moradores. O texto criado traz como protagonista o O Sr Karoan, empresário de comunicação de Alhures do Sul, um mito no centro da cidade por ser conhecido por todos, mas nunca abrir o sorriso. Um homem sem família ou amigos. Um homem misterioso, ninguém na cidade conhecia nada sobre ele. 



*** Lendas Urbanas de Alhures do Sul são contos fictícios, sem nenhuma obrigação com fatos reais, cronologia ou com a história, que foram inspirados em rumores e boatos contados por moradores da cidade de Rio do Sul e arredores sobre acontecimentos que vão além da nossa compreensão.



O projeto de produção e disponibilização de podcasts "Lendas Sinistras de Alhures do Sul" foi contemplado pelo Prêmio Nodgi Pellizzetti de Incentivo à Cultura 2023.




7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page